COBIÇADO

Parece que com a proximidade do Dia do Índio,cada vez mais é discutível os seus direitos nesta terra mui gentil que é o nosso Brasil.

Já se torna antiga a polêmica discussão sobre a hidrelétrica Belo Monte…sua função distribuitiva de energia e até que ponto sua construção seria prejudicial aos índios,habitantes daquele pedaço de chão cobiçado.

Desde sempre houveram opiniões favoráveis ao meio ambiente,e aos direitos humanos desses primeiros habitantes.Seria mesmo correto tirá-los de onde vivem há anos,em prol de energia elétrica?E esse projeto foi totalmente gerado em conjunto com os índios,opinando pra amortecer uma perda tão grande?

O Ministério Público do Pará tem constantemente acionado ações e recursos contra Belo Monte,numa luta ardua e corajosa.Por não receberem muito apoio nas bases,a luta já estava praticamente perdida com a construção praticamente assegurada…Mas eis que essa luta ganhou um apoio marcante e forte:o da OEA(Organização dos Estados Americanos)que de lá da mesa da justiça(vide desenho dos Superamigos)volveu seu olhar pra nossos índios e florestas,e disse para nós brasileiros,abortarmos a missão Belo Monte.Ou seja,essa hidrelétrica é para ficar no papel mesmo…no martelo OEA.

Concordo.Há de se ter um jeito de progredir,sem destruir.

Belo Monte produziria muita energia,mas destruiria uma area verde importante para o nosso planeta,que há tanto tentamos salvar.Valeria mesmo a pena materializar essa usina?

Se o Brasil vai acatar a opinião da OEA,em breve saberemos…Mas a pergunta que não quer calar é:

-Estamos ou não estamos,de uns meses pra cá acuados por decisões via exterior?

Se o Brasil acatar a opinião da OEA nesta questão,lucram os índios e nós(modestamente me incluo):os favoráveis ao meio ambiente como prioridade da Terra.Se o Brasil não acatar a OEA,arrisca-se a se posicionar com firmeza contra aliados poderosos,em nome do seu lucro previsto/sonhado com Belo Monte.Ou seja,iria contrariar um amigo que quer muito agradar…

De minha parte,gostaria muito que nosso país por um ideal assim tão favorável ao nosso habitat e à vida dos índios,e porque não dizer de todos os povos que aqui habitam,abrisse mão de Belo Monte.

Novamente nos sentiríamos todos(independente da raça)filhos de um gigante pela sua própria natureza.

Sandra Sclata

Esse post foi publicado em Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s