BRASILEIRINHO

Tão triste a morte do pequeno que estava catando garrafas pet no lixão em MS. Provavelmente fazia isso pra levar um pouco de dinheiro pra casa…mas será que tão pequeno assim,já contribuia com as despesas do lar?Testemunhar um brasileirinho morrer assim soterrado pelo lixo dos demais brasileiros,dói demais na consciência,né não?Pelo menos deveria…se tivessemos mais razão e sensibilidade uns com os outros.

É mais que um tapa na cara.É culpa nossa,culpa da Economia Brasileira,culpa dos politicos eleitos e reeleitos(ninguém mais fica no cargo por 4 anos,todos se reelegem!)e de todos mais que administram esse Brasilzão e não proporcionam aos filhos deste solo mui gentil(onde tudo que se planta dá)uma vida digna e feliz. Muitas outras pessoas continuam catando no lixão,e correm o mesmo risco de soterramento que matou o pequeno Maikon Correa de Andrade.Podem também se machucar de outras formas com vidros e seringas,se estes materiais não forem descartados corretamente.Mas se não trabalharem assim,vão tirar o seu sustento de onde?Vão viver de quê?Do bolsa familia somente?É suficiente?Como esses brasileiros gostariam de ter outro tipo de trabalho,suas carteiras de trabalho assinadas com todos os direitos assegurados,inclusive bons hospitais funcionando.Nenhum deles está precisando de BRS(corredores exclusivos de ônibus,nem de um novo mergulhão mal cuidado),precisam é de humanidade na gestão de quem está no Poder. A vida findou para este pequeno brasileirinho.Que Deus possa confortar sua familia.Só Ele pode.

O ano também finda em breve,que todos os problemas e dificuldades virem lixo e fiquem definitivamente soterrados.Que desse lixão de problemas e dificuldades(que não foram poucas!)possamos reciclar tudo que for aproveitável…Joguemos fora tudo que causou:sofrimento,dor,incômodo.Com fé em Deus,sempre haverá um jeito de filtrar e reter somente o que for bom…construtivo!Nem sempre sabemos exatamente como fazer a necessária filtragem,mas a vida ensina(e meus peixes ornamentais também com a água limpida do aquário),só nos resta aprender direitinho todas as lições de casa.

Acredite,é possível sobrevivermos.Desejo à todos,sem distinção:um Feliz Ano Novo!

Sandra Sclata

Esse post foi publicado em Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s