NO FUNDO

Para quem está buscando uma maneira de levar um dia a dia mais sustentável, eu indico que leia o mesmo livro impresso que acabo de ler: “Os heróis e o consumo consciente” de Beatriz Monteiro da Cunha.

Pode ser que na leitura deste livro você encontre boas ideias ou uma profunda análise de sua relação com o consumo.Tem gente que diz que não é consumista, mas no fundo, no fundo se você desperdiça água, se você só quer receber da natureza, você pode ser um consumista sem sequer ter feito uma compra.

No livro, os amigos de Mika resolvem visitar a escola dele num dia muito especial: no dia da feira de trocas.Na feira, há muitas barracas:

-a barraca coisas da gente- onde o vestuário é o objeto de troca

-a barraca coisas da terra – onde tudo que é extraido da natureza deve ser reaproveitado: o papel, a madeira, entre outros

-a barraca coisas dos outros – acessórios da moda podem voltar a ser moda(e por que não?)

-a barraca use bem e não fique sem – tudo o que é imprescindível para viver e não podemos desperdiçar de jeito nenhum, como a água e energia.Nesta barraca os amigos de Mika tiveram muitos textos os ensinando a poupar.

E por fim, será que a humanidade vai conseguir ser totalmente sustentável?

Patrícia Fields

Esse post foi publicado em Livros, Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s