UNIVERSAL

Quantos versos você é capaz de escrever quando estar tomando café?Não sabe?Pois Luiz da Franca escreveu muitos versos no livro impresso que acabo de ler: “Café Para“.

Enquanto lia o livro me veio outra ideia: O café é um líquido universal.O café está na mesa do rico e do pobre.Serve para acordar o sonolento individuo ou para acordar o ébrio.De qualquer forma, o café se insere silenciosamente em todos os ambientes…ah, sim eu divago.Mas lendo alguns versos de Luiz da Franca, como estes:

“E eu te digo meu velho

Eu tenho minha vida

Eu tenho meus problemas

Eu tenho um pouco de esperança…”

Só por versos como estes valeu a pena concluir a leitura.

Patrícia Fields

Esse post foi publicado em Livros, Notícias e política e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s