UM ÁS

Aproveitei um tempo livre para assistir ao filme “Truque de Mestre” de Louis Leterrier,com Morgan Freeman,Mark Ruffalo,entre outros atores.

Nele ilusionistas de diferentes localidades são convocados misteriosamente para uma missão.Uma grande missão,aparentemente impossível…Nem tanto…um dos truques da ilusão e talvez o mais importante,seja a falsa impressão de que todos os elementos envolvidos estejam ali: presentes e revelados.

O interessante é que quando esse tipo de show ilusionista nos é oferecido,já logo de cara pressentimos que nossos olhos vão embaçar em algum instante…resta-nos somente apurar/apelar aos outros sentidos.Né,não?

Os ilusionistas foram escolhidos,um a um,cada qual com seu papel e seguirá com seus truques mágicos secundários,encantando as mais diversas platéias e até distribuindo lucros com quem foi injustiçado num passado distante.Acerto de contas?

Talvez.Talvez o truque de mestre seja nunca contemplar/avaliar tudo tão de perto!

Às vezes a distância ajuda a enxergar melhor uma determinada situação,exatamente como ela é de fato; e não como havíamos deduzido num primeiro momento,até por uma precipitação de gestos e sentimentos envolvidos…principalmente quando resolve-se arvorar em sabedor de tudo.

Ninguém é um ás em tudo.Ninguém…mesmo.

Now you see me.

♣Sandra Sclata

http://twitter.com/asminas

http://www.facebook.com/pages/As-Minas/148120779993

Esse post foi publicado em FILME, Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s