DOR3S

Estive no CCBB para assistir a peça “Trágica.3” de Guilherme Leme.Durante a peça as três histórias: a de Antígona(Letícia Sabatella), Electra(Miwa Yanagizawa) e Medéia(Denise Del Vecchio) foram apresentadas de um jeito diferente.E por mais que se conheça o teor de cada uma delas, a interpretação desta montagem fez toda a diferença e mostrou estas histórias sob um novo ângulo.

Antígona entra em cena como uma carpideira e no seu canto triste derrama a dor de não poder enterrar seu irmão.Como é injusto não poder prestar a última homenagem ao ser que ela tanto ama…

Electra espera ansiosamente pela volta do seu irmão, não por sentir saudade dele, mas porque ele, seu irmão, é capaz de vingar a morte de seu pai.Só o irmão de Electra é capaz de honrar a família.Electra quer alçar voo mas seus pés a mantém presa no lugar: está presa a sua vingança, está presa esperando por seu irmão, está presa ao seu ódio.Quer voar, tem asas, mas não pode alçar voo.

Medéia tem as crianças no fundo a sorrir, a correr na praia, mas elas estão mortas.Sim, Medeia se vinga de Jasão matando os proprios filhos que teve com ele.As crianças sorriem, brincam até a morte.

Apllause.

Patrícia Fields

Esse post foi publicado em Entretenimento, Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s