ENTRAVE

A reforma da antiga estação Leopoldina não sai do papel. A Supervia que antes fazia eventos no espaço, entende que não é responsável por ele, que a estação Leopoldina é um prédio histórico de responsabilidade do Estado e, por isso não pode custear as reformas. Já o governo argumenta que a Supervia lucrou com os eventos feitos na estação. Enfim, uma estação que foi inaugurada em 1926, precisa de reformas que não saem do papel porque ninguém consegue decidir quem é responsável pelo local…virou uma estação abandonada.
Patricia Fields

Anúncios
Esse post foi publicado em DIREITOS, Notícias e política, Organizações. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s