SEGUE EM PAZ

"Ele sabe que não pode viver se não for um inventor,um criador.E que ele morre por isso.Que matem ele ou confinem ele numa sala sem papéis.Enquanto puder,ele escreverá..."(Búfalo,de Botika/ed.Lingua Geral)

Acabo de ler o livro impresso(amo o farfalhar das folhas)”Búfalo”,de Botika lançado pela Língua Geral. Nele temos a narrativa de Búfalo contando sua vida e suas peripécias.Ele caminha pela vida,buscando conhecer e aprender de tudo,mas não que tudo sirva pra ele,muito menos que ele vá servir à todos…Complicado?Nem tanto,não é assim mesmo nossa vida real? Um monte de situações surreais e por vezes dolorosas se apresentam à nossa frente,e nem por isso a gente se deixa paralisar!Búfalo é atacado,mordido até…e jura se vingar.Mas como vai se vingar,se ele é um cara extremamente doce? Búfalo vai é se apaixonar alucinadamente.Quem perde tempo com vingança,não encontra o amor e nem desfruta de suas benesses…Búfalo vai amar Búfala:incondicionalmente.Um amor de cachorra louca…literalmente!Ter uma filha com Búfala,como prova real desse amor,vai deixá-lo extremamente “tocado”e realizado em sua plenitude.A partir daí,só quer cuidar dela…viver pra ela. Seus amigos são parte/base de seu alicerce.Conta com eles pra seguir pela vida:VIVENDO simplesmente. Búfalo mesmo quebrado,encontra sempre um amigo pra juntar seus pedaços de novo…tá certo que nem sempre a nova junção sai perfeita…Mas quem está buscando a perfeição dos corpos? Quem assim o desejar,basta procurar um cirurgião que esteja à disposição e com bastante silicone no estoque!Pra ajuda e consolo/auxilio/ombro amigo que Búfalo precisa:os amigos de verdade dão conta do recado! Búfalo pode perder tudo pela vida afora,mas sua cabeça é/será sempre conservada,nunca conservadora.Ele é lúcido e coerente demasiadamente com as verdades que absorveu por todo esse tempo…ele segue em paz,a mesma que contemplamos ao observamos a vida fluindo dentro de um aquário…todos os peixes em harmonia.

“Ele sabe que não pode viver se não for um inventor,um criador.E que ele morre por isso.Que matem ele ou confinem ele numa sala sem papéis.Enquanto puder,ele escreverá…”(Búfalo,de Botika/ed.Lingua Geral)

Decididamente,o melhor a fazer:é escrever sem parar.Escrever sempre liberta a vida de todos os males.Búfalo está livre,pra ser o que escolheu ou foi escolhido pra SER.

Sandra Sclata

Esse post foi publicado em Livros e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s